TV & Famosos

Esposa de Rolando Boldrin se despede e homenagem emociona fãs: ‘Melhor ser humano’

O ator, cantor e apresentador de TV Rolando Boldrin de 86 anos, morreu ontem (09/11), o mesmo estava internado há 2 meses no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo e faleceu após uma insuficiência respiratória e renal. A informação foi confirmada pela mulher do artista, a produtora e cenógrafa Patrícia Maia.

A artista emocionou os fãs nesta quinta-feira (10) ao se despedir do marido, através de um texto curto publicado na sua rede social, mas sincero, ela prestou sua última homenagem.

“O amor da minha vida voltou para casa. Foi o melhor ser humano que eu conheci. Sou grata por compartilhar com ele os melhores momentos da minha vida. Meu amor, vá em paz.”

Internautas reagem a homenagem de esposa de Rolando Boldrin

“Rolando querido, família querida! Tenho as melhores lembranças musicais da adolescência graças a vocês. Meus sentimentos, estou desolada. Deus console seu coração e de toda a família, amigos e fãs. Minhas manhãs de domingo jamais será a mesma. Nosso querido Rolando Boldrin, retornou para a casa do pai. O céu hj está em festa, Gal e Boldrin no mesmo dia, é demais para meu coração”, comentou um dos internautas na publicação.

“Que grande homem e artista. Lutou incansavelmente pela nossa cultura, nossos artistas. É o fim de uma era. Vai ser lembrado sempre com muito carinho. Que encontre a merecida paz, descanso e luz. Patrícia, receba meu carinho e desejo que você encontre consolo neste tempo de convívio”, apontou um seguidor por meio de um comentário.

O corpo do artista será velado no Hall Monumental da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo a partir das 8h desta quinta-feira (10) até 15h. Logo em seguida, será encaminhado para sepultamento no cemitério Gethsêmani Morumbi, às 17h.

O acesso para visitação do público será feito pelo portão do estacionamento localizado na avenida Pedro Álvares Cabral, 201, apenas para os pedestres.

Carreira de Boldrin

Rolando Boldrin teve uma enorme contribuição na história da TV Cultura. Com o ‘Sr. Brasil’, ele apresentou por 17 anos, “tirou o Brasil da Gaveta” e fez coro com os artistas mais representativos de todas as regiões do país.

Em seu programa era privilegiado os artesãos brasileiros e circundava por imagens dos artistas que fizeram a nossa história, através escrita, falada e cantada que já viajaram, muitos deles ‘fora do combinado’, conforme costumava dizer o artista Rolando.

Como ator, ele atuou em mais de 30 novelas ao longo dos seus 60 anos de carreira. Na televisão, ainda apresentou os programas ‘Som Brasil’ na Rede Globo, ‘Empório Brasileiro’ na TV Bandeirantes e ‘Empório Brasil’ no SBT, além de ficar à frente do ‘Sr. Brasil’ na TV Cultura desde 2005.