TV & Famosos

Viúva de Guilherme de Pádua diz que pensa em ‘cometer besteira’ após partida do marido: ‘Tô cansada’

Nesta semana, Juliana Lacerda virou um grande alvo de polêmica nas redes sociais logo depois da morte de seu marido, Guilherme de Pádua, que foi julgado e também condenado pela morte da atriz Daniella Perez. A mulher do ex-ator recentemente compartilhou um vídeo em seu perfil do Instagram no qual também apresentava a vítima de Guilherme como sendo sua amante e o público ficou muito indignado com a atitude.

Diante de todos esses inúmeros comentários negativos que ela recebeu por conta da publicação, Juliana também resolveu se afastar das redes sociais. Vale lembrar também que recentemente ela havia falado muito em se tornar influenciadora digital com seu perfil, com que conta com quase cerca de 30 mil seguidores.

Esposa de Guilherme se pronuncia após tomar decisão

Durante uma longa conversa com o portal Natelinha, a viúva de Guilherme falou que também preferiu se afastar completamente de sua rede social para poder evitar fazer alguma besteira. A mulher também disse ter se sentido muito mal com os vários comentários deixados pelos internautas.

Dei um tempo do Instagram porque eu estava tendo muitos xingamentos lá. Na verdade, eu nem sei o que pensar. Em vez de cometer uma besteira, eu prefiro sair do Instagram porque eu tô cansada“, disse a viúva do pastor.

Esposa de Guilherme falou sobre a morte do marido

“Está ao lado do pai, e agradeço por ter morrido em meus braços, porque pude me despedir muito de você”, disse em publicação nas redes sociais. “Você não sentiu dor e só dormiu em meus braços. Nem sei agora como vou sobreviver sem você”, afirmou.

“Já já a gente se encontra e espero que seja breve, porque não sei se conseguirei estar aqui sem você. Você se foi, mas me deixou uma mulher melhor e mais madura em todos os sentidos, e o melhor, ninguém mais pode te julgar porque você não ouvirá mais”, observou ela.

“Seu sofrimento e julgamento das pessoas acabaram, meu amor, fique em paz agora. Nestes seis anos em que estivemos casados, ele foi muito feliz, mais feliz do que a maioria das pessoas desse mundo todo”, afirmou Lacerda. “Eu fui mulher suficiente para fazê-lo feliz, e ele foi homem suficiente para me fazer feliz. Só Deus sabe o tanto que ele me fez bem e eu fiz bem a ele”, prosseguiu.

“Não preciso mostrar para ninguém. Vai ficar aqui, só Deus sabe de todas coisas, vocês não sabem de nada. Só Ele sabe o que aconteceu entre nós, e o que estou passando agora. Não estou aqui pedindo para sentirem pena de mim, mas querendo homenageá-lo”, afirmou.