Saúde

7 perigos da pílula anticoncepcional que você não imagina

Quando se trata do uso de métodos contraceptivos, os mais conhecidos são a camisinha (método não hormonal) e o anticoncepcional (hormonal), e são conhecidos por unir o útil ao agradável: eficácia e baio custo. Mas, você sabia que o anticoncepcional possui uma longa lista de efeitos colaterais possíveis?

Hoje, iremos mencionar apenas sete dos problemas que esse remédio pode causar. Mas lembre-se: não é porque é possível de acontecer que acontecerá com você. Confie na indicação do seu médico e alerte a ele sobre qualquer anormalidade.

Quais são os problemas que a pílula pode causar?

1. Glaucoma

De acordo com os estudos realizados nos Estados Unidos, mulheres que fazem o uso de anticoncepcionais por mais de 3 anos seguidos dobram as chances de desenvolverem glaucoma. Esse é o nome dado a danificação do nervo ótico, um dos principais causadores da cegueira irreversível. Segundo os pesquisadores isso acontece devido aos baixos níveis de estrogênio no corpo.

2. Trombose

A trombose é nome dado quando um coágulo sanguíneo bloqueia o fluxo sanguíneo em uma ou mais veias, fazendo com que o local fique inchado e dolorido. Como se já não fosse o suficiente, esse coágulo também possui mobilidade e pode causar embolia. Se na sua família há casos de trombose, avise ao seu ginecologista.

3. Câncer

Alguns tipos de câncer podem ganhar mais chances de desenvolvimento de acordo com os níveis hormonais. Por isso, o uso da pílula pode agravar esse quadro.

4. Doenças cardiovasculares

Essa é específica para usuárias do método e que fumam: a combinação dos dois pode ser muito perigosa, causando AVC, infarto ou mesmo a morte. Cuidado!

5. Hipertensão

Mesma situação descrita no caso anterior: pessoas que possuem pressão alta devem ter atenção redobrada.

6. Doenças hepáticas

Pessoas que sofrem com doenças no fígado, como hepatite ou cirrose não devem fazer o uso deste medicamento, já que ele pode causar sobrecarga no órgão. Avise ao seu médico.

7. Varizes

Se as varizes são causadas pela má circulação sanguínea, não é de se estranhar que a associação com a pílula não seja uma boa opção para essas pessoas.

Devo evitar a pílula?

Como já foi mencionado anteriormente: você precisa sempre consultar seu médico e ser o mais sincera possível com ele a respeito de seus vícios, histórico familiares ou preferências. Baseado em tudo isso, ele te indicará o melhor método, que seja ideal para o seu estilo de vida.