Notícias

Velório de crianças assassinadas por vizinho por causa de barulho é marcado por muita comoção

Este caso é digno de um monstro, três crianças da cidade de Santa Luzia, localizada na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foram brutalmente assassinadas pelo vizinho. O fato teria ocorrido após o mesmo se incomodar com o barulho gerado, a comoção foi forte nesta segunda feira, no velório dos três anjos que ocorreu no cemitério Nossa Senhora do Carmo.

Obviamente o velório foi marcado por tamanha comoção de todos, ele ocorreu por volta das 15 horas da tarde. As crianças foram identificadas, eram Victoria Danielle, de 11 anos, Victor Daniel, de 9 anos e André Felipe, de 7 anos.

Outro assassinado foi Ronaldo dos Santos, de 39 anos, padrasto de duas das crianças e pai de uma, ele será sepultado na cidade de Janaúba que fica localizada a cerca de 557 km de Belo Horizonte.

O assassino, ou monstro como você preferir chamar, confessou o crime, Gustavo Borges, de 25 anos, é primo de Ronaldo. Ele afirmou que a motivação do crime se deu por conta de que as crianças faziam muito barulho, ele entrou na residência pela janela e cometeu a chacina.

As informações foram confirmadas pela Policia Federal de Minas Gerais, o assassino aproveitou enquanto todos dormiam. Invadiu a residência, com uma faca primeiramente tirou a vida do primo, e em seguida matou as crianças.

A mãe das crianças e esposa de Ronaldo que estava trabalhando, chegou em casa por volta das 6 horas da manhã, e encontrou então os corpos de todos.

O assassino friamente confessou e disse não se arrepender de nada do que fez: “Não me arrependo, porque foi uma coisa que limpou a minha vida. Ele fez eu perder o meu emprego. Ele sempre ficava procurando briga. Deixava as crianças fazer barulho até de madrugada”.